NOTÍCIAS

Dividir um apartamento é opção crescente nas grandes cidades brasileiras

 
Divisão de apartamento já é opção interessante no Brasil

Divisão de apartamento já é opção interessante no Brasil

São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba estão cada vez mais próximas das metrópoles de outros países. Não só no preço, mas quanto a uma nova modalidade de negócios no segmento imobiliário: dividir um apartamento.
Segundo dados do Nuroa, que agrupa em um único portal toda a oferta imobiliária de apartamentos e casas para venda e aluguel disponível na internet no Brasil e em mais outros 14 países, a quantidade de imóveis para dividir disponíveis ainda não é relevante perto do número total de imóveis, especialmente os à venda, mas já ganha seu espaço, especialmente nas três capitais citadas, além de outras grandes cidades na região Nordeste. E devido a esse incremento, é umas das três principais categorias de busca disponíveis no portal.
Entre as justificativas para o aparecimento desta modalidade de negócios estão a alta constante do preço dos imóveis. Buscas no www.nuroa.com.br demostram que a média de um aluguel na modalidade ?apartamentos para dividir?, fica em torno de R$ 600,00. Há ainda o aluguel por temporada, mas que não constitui a maioria dos anúncios, e é mais presente nas regiões litorâneas.
A divisão de um imóvel ou sublocação é autorizada na Lei do Inquilinato no Brasil (n° 8.245/91), porém os contratos são independentes daquele feito com o dono do imóvel. O sublocatário não tem nenhuma obrigação jurídica com o proprietário, apenas com o inquilino do imóvel. Mas além da atenção às questões jurídicas, para evitar ou reduzir ao máximo conflitos futuros, é essencial a atenção a outras questões quando se vai morar com pessoas que não se conhece previamente: conhecer a regras de uso da área comum e os hábitos e horários diários dos demais.

 


SERVIÇO:



Data: 07/04/2014

Por: PortalVGV

Compartilhe
Publicidade
Anuncie Grátis

SoluçõesHomeBR